Abdominoplastia: tire todas as suas dúvidas

abdominoplastia

O nome pode parecer complicado, mas o termo abdominoplastia se refere a cirurgia plástica usada para retirar o excesso de gordura e de pele do abdômen, o que ajuda a diminuir a flacidez e conseguir um aspecto de “barriga dura e lisa”.

Se você tem dúvidas sobre esse tema, veja esse guia completo que preparamos para você!

Para quem a abdominoplastia é indicada?

Ela pode ser feita em homens e mulheres e, geralmente, é indicada para pessoas que perderam muito peso (como em casos de cirurgia bariátrica) ou para as mulheres que apresentam muita flacidez após a gravidez.

Para as mulheres magras que apenas apresentam gordura localizada no abdômen, outras técnicas podem ser mais proveitosas, como a lipoaspiração ou a lipoescultura, ou ainda uma mini abdominoplastia.

Como a abdominoplastia é feita?

A cirurgia pode levar de 2 a 4 horas e, normalmente, é feita com anestesia peridural, mas em alguns casos pode ser a geral. Em seguida são feitos os seguintes passos:

  1. Incisão horizontal entre a linha do púbis e o umbigo. É através desse corte que os músculos enfraquecidos do abdômen são reparados e que o cirurgião irá retirar o excesso de gordura e de pele. Caso haja excesso de pele na parte superior do abdômen, pode ser necessário a realização de uma incisão em torno do umbigo.
  2. Em seguida, o cirurgião irá fechar a incisão por meio de suturas, adesivos de pele, fitas ou clipes.
  3. Os resultados finais podem demorar algum tempo para aparecer, devido ao inchaço da região. Em geral, ele é visto após 6 meses de cirurgia.

Como é o pós operatório da abdominoplastia?

Em alguns casos, o paciente poderá ficar com um dreno abdominal que será retirado conforme a orientação do seu médico. Ele serve para drenar o líquido que irá se formar embaixo da pele, evitando problemas como o seroma e facilitando a sua cicatrização e recuperação.

Algumas orientações gerais são:

  • Evitar esforços e manter uma postura curvada por cerca de 15 dias (para evitar tensão na cicatriz);
  • Evitar exercícios físicos por 1 ou 2 meses;
  • Usar uma cinta elástica de 1 a 2 meses (ou outro período estipulado pelo seu médico);
  • Realizar sessões de drenagem linfática e ultrassom cerca de 7 dias após a cirurgia.

Quais cuidados devem ser tomados antes da cirurgia?

Eles irão depender das recomendações do seu cirurgião, mas, normalmente envolvem:

  • Exames pré-operatórios e avaliação médica;
  • Parar de fumar antes da cirurgia;
  • Evitar o uso de anti-inflamatórios, medicamentos naturais e aspirinas, pois podem aumentar o risco de sangramento;
  • Tomar determinados medicamentos ou ajustar a dose dos seus medicamentos atuais.

Quais os riscos da abdominoplastia?

Como todo procedimento cirúrgico, a cirurgia plástica no abdômen também possui alguns riscos, como:

  • Hematomas;
  • Acúmulo de líquidos (seroma);
  • Alterações na sensibilidade da pele;
  • Assimetria;
  • Dor;
  • Possibilidade de novo procedimento

Os riscos são diminuídos quando você conta com uma boa equipe de médicos.

E, então, já está mais animado para marcar a sua abdominoplastia? Deixe um comentário pra gente!

#clinicaunique #uniquecirurgiaplastica #clinicadointerior #abdominoplastia #mogimirim #saudeebemestar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.