Drenagem linfática para celulite: saiba tudo sobre isso!

drenagem linfatica para celulite

Se você sofre com os furinhos inconvenientes, já deve ter ouvido falar da drenagem linfática para celulite. Mas, será que ela é realmente indicada nessas situações? E como ela pode resolver o problema das celulites?

Quer saber mais sobre esse tema? Confira as informações que trouxemos!

Drenagem linfática para celulite: como funciona?

A drenagem linfática é um tipo de massagem que busca favorecer o funcionamento do sistema linfático, levando a benefícios como: melhora da circulação sanguínea, diminuição do inchaço, combate à celulite e relaxamento corporal.

A melhora na celulite acontece porque o transporte de gordura (sobretudo na forma de triglicerídeos) e vitaminas é feito pela linfa do intestino delgado ao fígado, onde esses itens são metabolizados e enviados de volta ao sistema circulatório.

Assim, quando o sistema linfático passa a funcionar de modo mais eficiente, os tecidos passam a ficar mais oxigenados, as toxinas do corpo são metabolizadas de maneira mais eficaz e ainda há uma melhora significativa no aspecto da gordura localizada e da celulite.

Ainda que não exista um tratamento totalmente eficaz para se livrar totalmente das celulites, a drenagem linfática, aliada a uma vida saudável e ativa, é uma das que mais trazem resultados.

Quais os melhores tipos de drenagem linfática para celulite?

A drenagem linfática manual ainda é uma das mais indicadas no combate à celulite, mas, além dela, existem outras que podem ajudar você a turbinar o seu tratamento, como:

  • Linfodrenagem

Nesse tipo de tratamento, o profissional se foca na região do aparelho digestivo, trabalhando principalmente o abdômen profundo e superficial, além do cólon.

Podem ser usados alguns cremes para potencializar o tratamento, como máscara de algas e também para combater a gordura localizada. Ao final da linfodrenagem, é possível realizar uma massagem relaxante com pedras quentes, para reequilibrar as energias do paciente.

Podem ser feitas de 8 a 10 sessões, duas vezes por semana.

  • Drenagem linfática de alta pressão

A técnica alia uma vigorosa massagem manual com um aparelho de ultrassom. A massagem é responsável por desobstruir e ativar os gânglios linfáticos, de modo a desintoxicar o organismo e melhorar a circulação e oxigenar a pele.

O ultrassom é usado para realizar uma micromassagem dentro da célula, quebrando as células de gordura e os nódulos característicos da celulite. O infravermelho ainda ajuda a acelerar o fluxo sanguíneo, facilitando a eliminação de toxinas.

O tratamento pode ser feito 2 vezes por semana e, em um mês, é possível ver uma melhora de até 50% nas celulites.

  • Power Drenagem

Muito indicada para os casos de celulite e gordura localizada, já que a técnica alia movimentos de drenagem linfática e de massagem modeladora.

Juntas, elas ajudam a nutrir os tecidos e a melhorar a elasticidade da pele, além de contribuírem para um bom funcionamento do sistema linfático.

O tratamento mínimo é de 10 sessões, que podem ser feitas até 2 vezes por semana.

Gostou de saber mais sobre a drenagem linfática para celulite? Ainda tem dúvidas sobre esse assunto? Deixe um comentário pra gente!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.